Carrinho Vazio

Blog da Cookie

Comer Depois Do Exercício Dificulta o Emagrecimento: Verdade ou Mentira?

Emagrecer Treino

Qual Nutricionista nunca ouviu de seu paciente, que está seguindo uma dieta de emagrecimento, que ele fica um bom tempo sem comer após os exercícios, por medo de ganhar peso? Esta afirmação é muito comum! Mas, será mesmo? Nossa equipe foi atrás de respostas para você!

Antes de mais nada é importante levar em consideração que, após o término de uma atividade física, o organismo continua acelerado até certo momento. Ou seja: não voltamos ao estado de repouso imediatamente. O corpo precisará de minutos ou, até mesmo, horas para se restabelecer e voltar aos níveis basais de consumo de oxigênio, gasto calórico, temperatura corporal, etc. Este estado de consumo aumentado de oxigênio e energia é chamado de EPOC. E claro que a duração do EPOC dependerá da duração e, principalmente, da intensidade do exercício.

exercício e emagrecimento

Quanto mais intenso o exercício, maior o gasto calórico após seu término. Exercícios prolongados de baixa intensidade também levam a um gasto calórico maior que os exercícios de curta duração e baixa intensidade. Por fim, pessoas com mais massa muscular e melhor condicionamento físico também possuem um gasto calórico pós-exercício maior que os não treinados.

Além do EPOC, outra consideração importante que acontece após os exercícios físico, é a chamada “janela de oportunidade”! Nesse momento pós-exercício, as células estarão, teoricamente, mais ávidas por nutrientes. Ou seja: o organismo quererá repor o glicogênio perdido (para conseguir realizar bem os próximos exercícios) e também fornecer matéria-prima aos músculos, para que estes entrem em seu estado anabólico (reconstrução muscular e hipertrofia). Alguns estudiosos relataram que este conceito seria mais forte na primeira hora pós-treino, porém outros pesquisadores relatam que, de acordo com a duração e a intensidade do exercício, a “janela de oportunidade”, pode durar até 24 horas após o final da atividade.

Emagrecimento

Como sabemos que na nutrição nem todo 2+2 será igual a 4, as condutas estão em constante estudo, porém muitos profissionais usam como estratégia para o emagrecimento, a restrição do consumo de alimentos em até 1 hora após o treino, para que o corpo fique catabolizando gordura por mais tempo. Ou seja: essa conduta seria para aproveitar melhor o gasto energético que acontece durante o EPOC (já que a entrada de nutrientes  na corrente sanguínea pode frear o EPOC) e esperar a janela de oportunidade passar (na tentativa de minimizar a entrada de nutrientes, inclusive, nas células de gordura).

Claro que tudo isso deverá ser acompanhado por um nutricionista, pois caso existam exageros, o corpo poderá entrar em estresse. A reposição de nutrientes pós-exercício tem seu lado essencial, tanto para reabastecer os estoques de glicogênio muscular e hepático, fornecer aminoácidos essenciais para evitar a perda de massa muscular e promover o seu ganho, além de hidratar. Quem perde massa muscular acaba tendo redução no metabolismo e flacidez! E aí pode começar a ganhar peso!

Comer Emagrecimento

É necessário mostrar aos pacientes que a perda de peso dependerá do equilíbrio entre calorias consumidas e calorias gastas, e da qualidade dos alimentos ingeridos. Porém, não perder peso na balança não significa que o paciente não teve uma modificação em sua composição corporal, já que a massa magra possui uma densidade muito maior do que o tecido adiposo. Além do mais, é necessário que cada conduta seja bem aplicada, por um profissional especializado, para que não haja perdas significativas de massa muscular nesse processo, que é o tecido responsável por aumentar o gasto calórico do organismo!

É válido lembrar que existe muita variabilidade nas respostas de pessoas para pessoas quando o assunto é dieta e exercício físico. Além disso, tudo que o indivíduo ingere em seu dia alimentar influenciará no resultado! Não há milagres ou receita de bolo. O que existe é bom senso, disciplina e orientação alimentar adequada e individualizada!

verdade ou mentira

Conclusão: dependendo do que o paciente come após o exercício e ao longo do dia e da sua individualidade biológica, comer após o término do exercício pode influenciar no seu processo de emagrecimento.

♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦

Gostou do post sobre emagrecimento?

Siga cookie no instagram

♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦

Texto: Anne Karoline
Revisão: Ju Tolêdo

Deixe o seu comentário

Carrinho Vazio