Blog da Cookie

Conteúdos exclusivos sobre nutrição, saúde, estética e marketing para nutricionistas

Início / Consultório e Personal / 5 Dicas Para Fazer uma Ótima Primeira Consulta

Buscar no Blog

  • Compartilhar post

08.06.2017

5 Dicas Para Fazer uma Ótima Primeira Consulta

Nutricionista Primeira Consulta

Nutricionista, quando você começou a atender em consultório, teve dúvidas sobre como fazer uma ótima primeira consulta? Nós também! Como se comportar? Quais roupas vestir? Como conduzir a anamnese? Como fazer a antropometria? Quais materiais entregar para o paciente? Como fazer ele sair do consultório bem motivado? Temos certeza que todas essas perguntas já passaram por aí! Pensando nisso, nossa Equipe decidiu escrever este post com 5 dicas para você fazer uma ótima primeira consulta e deixar seu paciente com gostinho de quero mais!

Antes de mais nada, a primeira consulta é como se fosse um primeiro encontro. Ou seja: as primeiras impressões podem valer muito! Mostre ao seu paciente que, antes de ser um ótimo profissional, você é uma ótima pessoa! Um bom Nutricionista precisa ser capaz de cativar seu cliente e mostrar a ele o quanto aquela consulta poderá mudar a sua vida. Afinal, paciente satisfeito volta e ainda indica muitas pessoas para se consultarem com você!

Por isso, confira nossas dicas de como fazer uma ótima primeira consulta:

Dica 1- Cuidado com sua aparência!

Nutricionista aparência

Isso mesmo! Ao lidar com pessoas, a aparência conta muito! Sendo assim, é muito importante que o Nutricionista use roupas mais sérias, não curtas, sem muitos decotes, estampas muito chamativas e transparências. Não precisa estar antenada na última moda de Paris e nem gastar uma grana com suas roupas, mas é importante que você saiba que ela se relaciona diretamente com seu marketing pessoal. Além disso, uma maquiagem mais leve e sem chamar muito a atenção é muito bem-vinda, deixando seu paciente mais à vontade para conversar com você, sem distrações!

Dica 2- Receba seu paciente muito bem!

Nutricionista e paciente

Muitas pessoas tem um certo “medinho” de ir ao Nutricionista, principalmente porque esse profissional fará inúmeras pontuações em algo que todo mundo se relaciona diretamente: o alimento. É quase igual criança que tem medo de ir ao dentista, sabe? Dá aquele frio na barriga, aquela vergonha de saber que uma pessoa verá o seu peso, pegará nas gordurinhas do seu abdômen, que você precisará mudar inúmeras coisas para chegar ao seu objetivo… Gente, mudar não é uma atitude fácil! Ela envolve muuitas tentativas, muuitos erros, muuuitos acertos. E você, profissional, precisa entender isso! Dessa forma, na hora que o seu paciente chegar para se consultar com você, seja pontual, vá até a porta recebê-lo, pergunte se ele precisa de uma água (um cafezinho), se está tudo bem… Essas simples atitudes podem quebrar o gelo na primeira consulta e mudar (e muito!) a forma como ele te verá daqui para a frente! Mostre que você não é um fiscal da comida e muito menos uma pessoa que vai brigar com ele. Muito pelo contrário! Você é um amigo, o qual ele pode confiar e querer estar junto!

Dica 3- Faça uma anamnese bem detalhada

Nutricionista Anamnese

A palavra anamnese vem do grego “anmnesis” e significa recordar. Um significado tão simples, mas que tem uma enorme complexidade e relevância no atendimento nutricional. Na prática clínica, anamnese significa a rememoração dos eventos relacionados à saúde e à identificação de sintomas e sinais, com o intuito de entender, com o máximo de precisão, a vida do paciente e os motivos que o levaram a consultar. Dessa maneira, a anamnese é importante para que o Nutricionista entenda 3 dimensões para fechar o diagnóstico do indivíduo: o paciente em si, o motivo pelo qual ele procurou acompanhamento e as circunstâncias associadas.

Esse momento com o paciente é indispensável para o alcance de uma boa relação entre vocês dois. Isso porque as informações dadas na anamnese, muitas vezes dependerão, do grau de confiança que o indivíduo deposita no Nutricionista. É preciso ouvir nas entrelinhas! É preciso prestar muita atenção! Olhar no olho do seu paciente. Não julgá-lo! A qualidade das informações que serão transmitidas ou mesmo a colaboração que o paciente oferecerá em relação à adesão da conduta nutricional dependerão de um bom vínculo, de uma boa anamnese!

Dica 4- Utilize materiais informativos!

Nutricionista - Materiais informativos

Sim! Essa dica pode fazer toda a diferença em sua primeira consulta! No momento da anamnese, você pode utilizar recursos visuais para facilitar a tomada de informações, como, por exemplo, mostrar o tamanho dos talheres, miniaturas de alimentos e outros recursos que poderão auxiliar na descrição das informações pelo seu paciente.

Além disso, quando o paciente relatar algum hábito ou atitude alimentar que esteja inadequada para o seu objetivo, você já pode mostrar a ele o porquê daquilo e dar informações para que algumas mudanças ocorram dali para frente. Usar imagens do corpo humano, slides, folders, infográficos… Tudo isso poderá auxiliar na consulta e fazer com que seu paciente lembre-se de você para sempre!

Quer um bom exemplo? Se seu paciente lhe dizer que termina as refeições muito rápido, que tal mostrar um bom esqueminha que relaciona a mastigação com o centro de saciedade do cérebro e o emagrecimento? Lembre-se que nós, seres humanos, somos muito visuais!

Dica 5- Use um bom #SoftwareDeNutrição para auxiliar

Nutricionista - Planilhas Cookie

Essa dica é de ouro, escreva aí: Nutricionista que utiliza um bom programa para auxiliar no direcionamento da consulta é mais feliz! hahaha Brincadeiras à parte, um #SoftwareDeNutrição que possui uma anamnese completa, que analisa resultados antropométricos, de exames bioquímicos, comportamentais e alimentares facilita (e muito) na hora da consulta. Já dá para falar informações importantes ao seu paciente e traçar metas com ele a partir dali, sem que ele precise esperar mais dias para pegar o plano alimentar e começar realmente uma mudança de hábitos.

E na hora de calcular a dieta então… Nem se fala! Tem Nutricionista que já gosta de calcular o plano alimentar no momento da primeira consulta, tem Nutricionista que entrega o plano depois de alguns dias. Vai da conduta de cada um! Dessa forma, já pensou um programa que permite um cálculo de dietas em até 15 minutos*? Você pode já entregar o plano para o seu paciente na hora ou então ter ainda mais agilidade quando tiver calculando, em casa. Aqui na Cookie Tecnologia e Marketing você encontra esse programa! São as Planilhas Cookie!

Clique aqui e conheça nosso material!

Gostou?

Conte para nós quais dessas dicas você já utiliza em suas consultas! Quais delas vai começar a utilizar a partir de hoje? Deixe suas respostas nos comentários! ;)

♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦

Aproveite e cadastre-se em nosso site! Toda semana você receberá, inteiramente grátis, muita informação bacana para alavancar seu consultório e deixar seus pacientes ainda mais satisfeitos com sua bagagem profissional!

♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦

Texto: Anne Karoline Paiva
Revisão: Ju Tolêdo

Tags:

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

De brinde você escolhe de um a cinco e-books sobre nutrição totalmente gratuitos.